Escolha uma Página

Um projeto inédito está sendo desenvolvido em Curitiba e São Paulo para mostrar que, tal qual os vinhos, os cafés também podem ter os mais diferentes sabores dependendo do lugar em que é processado. A chamada ‘torrefação artesanal’ pegou uma mesma variedade de grãos e dividiu entre dois estabelecimentos nas duas capitais: o Supernova Coffee Roasters e o True Coffee Inc., respectivamente.

Elas tiveram de usar a variedade obatã, produzido a cerca de 1.200 metros de altitude na Fazenda Baobá, localizada em São Sebastião da Grama (SP). É uma região conhecida como mogiana, responsável por alguns dos melhores cafés do país. Segundo Edenilso Gavlak, idealizador do projeto e um dos organizadores do Festival Drink Good Coffee, esta ação “é uma ótima oportunidade para levar mais informações sobre cafés especiais ao público final, além de ser uma forma muito prática de mostrar que café não é tudo igual”.

Isso porque a torra do café também tem suas próprias características de acordo com o local em que é realizada. Os métodos usados por seus responsáveis, mesmo tendo um mesmo grão, podem render diferentes aromas e sabores à bebida. Na capital paranaense, a torra artesanal ficou por conta de Luiz Eduardo Melo, sócio-proprietário do Supernova Coffee Roasters, enquanto a outra parte foi torrada em São Paulo por Ton Rodrigues, sócio-proprietário True Coffee Inc. Cada uma delas recebeu 30 quilos do café, com a responsabilidade de desenvolver um perfil de torra específica para esta matéria prima, respeitando as características mais evidentes do café escolhido.


O resultado desta torra colaborativa rendeu uma edição limitada de kits, contendo dois pacotes de 250g cada, sendo um de cada torrefação. Estes kits estão à venda em seis cafeterias participantes do Festival Drink Good Coffee, que vai até dia 21 de maio: Supernova (Rua Cel. Dulcídio, 544, Batel), Argenta Café (Al. Dr. Carlos de Carvalho, 603, Centro), Smile Town Café (Rua Dr. Pedrosa, 116 – loja 2, Centro), Café com Bolachas (Rua Amintas de Barros, 270 – loja 6, Alto da XV), Chelsea Café (Rua Marechal Hermes, 113, Centro Cívico) e Exprèx Café (Rua XV de Novembro, 784, Centro).

O projeto de torrefação colaborativa faz parte da terceira edição do Festival Drink Good Coffee, que neste ano têm 19 cafeterias participando com 57 preparos. O evento começou no último sábado (6), e vai até o dia 21 de maio, com o objetivo de fomentar o consumo de bebidas preparadas apenas com cafés especiais de origem nacional. O Festival também apresenta ao grande público uma extensa variedade de cafés especiais que vão além daqueles consumidos no dia a dia, principalmente os desenvolvidos exclusivamente para o evento. São opções preparadas através de diferentes métodos.


Esta edição é promovida pelo movimento Drink Good Coffee com o apoio de Cafeinação, Blend Marketing e Uma Loja de Caneca, mídia por MinhaGula.com.br / Paraná Portal, e a torrefação de True Coffee Inc. e Supernova Coffee Roasters.

O cardápio completo dos cafés preparados e as palestras e workshops ministrados estão disponíveis no site www.drinkgoodcoffee.com.br

Related Post